sexta-feira, 24 de abril de 2015

Doença misteriosa e contagiosa chega à Paraíba; Ministério da Saúde investiga os casos



Uma doença misteriosa conhecida por ‘Eritema Infeccioso ou  Parvovírus B19’ chega a Paraíba  e já preocupa as autoridades de saúde. Várias pessoas apresentando os sintomas da doença estão procurando os serviços de saúde. Diante da situação, técnicos do Ministério da Saúde já se encontram em João Pessoa fazendo uma avaliação de todo os casos suspeitos, mas até agora não foi fechado nenhum diagnóstico preciso sobre doença.
Um dos pacientes apresentando os sintomas da doença procurou o serviço de saúde é o médico suspeitou que se tratava da doença que é muito confundida com a dengue.
Os sintomas da doença são manchas avermelhadas que podem se estender para os braços, tronco, coxas e nádegas. A coloração das manchas é rosada ou avermelhada e com um ligeiro relevo.
A diretora geral do Clementino Fraga, Adriana Teixeira fala um pouco mais sobre a doença:
Veja:
O que é Eritema Infeccioso ou Parvovírus B19
Eritema infeccioso é uma doença causada pelo vírus parvovírus B19. Também chamada de parvovirose, ela afeta principalmente crianças e o principal sintoma são erupções vermelhas nos braços, pernas e rosto. A mesma pode ser grave em casos de gravidez ou pessoas com um sistema imunológico comprometido.
Causas:
O parvovírus B19 humano provoca eritema infeccioso. A doença já é contagiosa uma semana antes das erupções aparecerem. No entanto, uma vez que a doença se manifesta, ela deixa de ser contagiosa.
Sintomas:
A maioria das pessoas com eritema infeccioso não têm sintomas. Entretanto, os primeiros sinais de eritema infeccioso em adultos e crianças podem incluir:
Garganta inflamada; Febre baixa; Dor de estômago; Dor de cabeça; Fadiga e Coceira.
Eritema infeccioso em adultos:
Adultos não costumam desenvolver as erupções e manchas no rosto. Em vez disso, o sintoma mais importante do eritema infeccioso em adultos é a dor nas articulações, que podem durar dias ou semanas. As articulações mais comumente afetadas são as mãos, pulsos, joelhos e tornozelos.

Eritema infeccioso em crianças:
Vários dias após o aparecimento dos primeiros sintomas pode aparecer uma mancha avermelhada em ambas as faces da criança. Eventualmente, ela pode se estender para os braços, tronco, coxas e nádegas. A coloração das manchas é rosada ou avermelhada e com um ligeiro relevo.

Período de Incubação:
Repouso e ingestão de líquidos são ações que facilitam o processo de cura. As crianças muitas vezes podem voltar para a escola quando as erupções cutâneas acontecem, pois já não são mais contagiosas nesse ponto.
Após contrair o parvovírus uma vez, a pessoa se torna imune à doença.

Tratamento:
Na maioria dos casos não é necessário qualquer tratamento para eritema infecioso. Se há dor nas articulações ou dor de cabeça, por exemplo, podem ser usados analgésicos conforme os sintomas aparecerem. Caso contrário, é necessário apenas esperar o corpo combater o vírus, o que normalmente leva de uma a três semanas.
Repouso e ingestão de líquidos são ações que facilitam o processo de cura. As crianças muitas vezes podem voltar para a escola quando as erupções cutâneas acontecem, pois já não são mais contagiosas nesse ponto.
Prevenção:
Não há vacina para eritema infeccioso. Como é uma doença transmitida pelo ar e através de fluidos corporais, é Importante lavar suas mãos e as da criança com frequência pode ajudar a diminuir as chances de infecção. Além disso, é importante evitar o contato com crianças e adultos infectados pelo menos até que ocorram as erupções cutâneas.
Portal do Litoral PB

Justiça manda acabar greve dos professores do Estado e dá 48h para retorno das atividades

Em entrevista ao Cidade Alerta Paraíba, da TV Correio HD, o presidente do Sindicato dos Professores do Estado, Carlos Belarmino, disse que vai se reunir com o comando geral da greve neste sábado (25) e encaminhar o caso para a assessoria jurídica da categoria

Professores estão em greve desde 31 de março


O desembargador João Alves decretou no começo da noite desta sexta-feira (24) a ilegalidade da greve dos professores do Estado. A Justiça determinou o retorno às atividades em 48 horas após a publicação da decisão, sob pena de multa e autorização de corte de ponto dos faltosos.

Em entrevista ao Cidade Alerta Paraíba, da TV Correio HD, o presidente do Sindicato dos Professores do Estado, Carlos Belarmino, disse que vai se reunir com o comando geral da greve neste sábado (25) e encaminhar o caso para a assessoria jurídica da categoria.
Ele disse que até a próxima quarta (29), deverá ter uma posição sobre a continuidade da greve depois de uma assembleia geral com os professores.

Os professores do Estado estão em greve desde 31 de março e reivindicam reajuste do Ministério da Educação de 13,01%, por força de lei federal; reajuste de 9% e regime de trabalho T-30 para funcionários; revisão do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR) do Magistério e aprovação do PCCR dos funcionários; elevação da gratificação de direto e eleições diretas em todas as escolas; pagamento integral do piso do Magistério.

Portal Correio

Concurso Prefeitura de Catolé do Rocha-PB

Prefeitura de Catolé do Rocha-PB realiza concurso público e processo seletivo para 89 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. Salários são de até R$ 10.000,00.



A Prefeitura de Catolé do Rocha, estado da Paraíba, divulgou editais com abertura de concurso público e processo seletivo para preenchimento de 89 vagas em funções de todos os níveis de formação. Os salários chegam a R$ 10.000,00.
O processo seletivo abre 44 vagas para cargos de Condutor Socorrista (8), Agente de Endemias (2), Assistente Social (1), Enfermeiro Intervencionista (13), Médico (2), Médico Intervencionista (6), Enfermeiro (2), Odontólogo (2), Médico - ESF (4), Psicólogo (2) e Fisioterapeuta (2).
Já o concurso público conta com 45 vagas para Auxiliar de Serviços Gerais (9), Operador de Retroescavadeira (2), Sepultador (6), Operador de Trator de Esteira (1), Operador de Trator de Pneus (2), Agente Comunitário de Saúde (3), Monitor de Creche (5), Técnico em Laboratório (1), Técnico em Raio-X (2), Analista de Sistemas Pleno (1), Biomédico (1), Farmacêutico (3), Médico Pediatra e/ou Clínico Geral (6), Nutricionista (2) e Tecnólogo em Radiologia (1).

Inscrição

As inscrições ficam abertas por meio da internet no endereço eletrônico: http://cpcon.uepb.edu.br a partir do dia 27 de abril até às 23h:59min do dia 10 de maio de 2015. As taxas cobradas variam entre R$ 50,00 e R$ 90,00.

Provas

O concurso terá prova escrita objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, para todos os cargos, além de prova prática, de caráter eliminatório e classificatório, para o cargo de Operador de Retroescavadeira, Condutor Socorrista, Operador de Trator de Esteira e Operador de Trator de Pneus e avaliação de títulos para todos os cargos de nível superior. A prova escrita será aplicada no dia 31 de maio de 2015, nos locais e horários que serão comunicados no dia 22 de maio.
Já o gabarito preliminar será informado no dia 31 de maio de 2015, após o encerramento da prova escrita objetiva.
A aprovação dentro do número de vagas abertas pelo edital gerará direito à nomeação, dentro do prazo de validade do concurso que é de dois anos, podendo ser prorrogado pelo mesmo período a critério da Prefeitura do Município de Catolé do Rocha.

quarta-feira, 22 de abril de 2015

Pedro dá entrada na ‘PEC da Nova Educação’ na Câmara Federal

Os professores recebem hoje 50% a menos que outros profissionais com mesma formação

 

O deputado federal, Pedro Cunha Lima (PSDB), deu entrada nesta terça-feira (14) na Proposta de Emenda à Constituição que Institui o Magistério Público Nacional (PEC 20/2015). Ao todo foram colhidas 224 assinaturas de parlamentares para a ‘PEC da Nova Educação’. Eram necessárias 171 assinaturas para entrar em tramitação. Ao ser apresentada, a propositura é analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) e se for aprovada, a Câmara criará uma comissão especial para analisar seu conteúdo.

A PEC estabelece que o professor é o instrumento responsável pela educação no País e que o Magistério Público Nacional, nos diversos níveis de escolaridade, é instituição essencial ao Estado, cujo estatuto tratará sobre a carreira unificada em todo o território nacional, garantias de exercício e de trabalho e subsídios.

“Os professores recebem atualmente 50% a menos que outros profissionais com a mesma formação, segundo dados do Relatório de Observação sobre as Desigualdades na Escolarização do Brasil elaborado por técnicos da Presidência da República. Não podemos admitir isso. Os professores transmitem o maior bem que uma pessoa pode ter e que é capaz de transformar um País, que é o conhecimento”, destacou Pedro.

O subsídio máximo do Magistério Público Nacional, segundo a propositura, será considerado limite superior dos agentes administrativos públicos. Os valores dos subsídios dos membros do Magistério Público Nacional atingirão o valor máximo em até 15 anos da publicação desta Emenda Constitucional. “O professor, em último nível, será referência entre todos os agentes administrativos. Não há aumento de despesa, apenas um novo limite, um novo tratamento ao professor. Há a mudança de um conceito: vamos respeitar os nossos professores”, explicou.

A proposta estabelece um prazo de dois anos para a adoção da Lei Complementar para que seja submetida a referendo popular. “A proposta é um passo, o caminho é trocar ideias para torna-la realidade, com as renovadoras e bem recebidas sugestões de ambas as Casas do Congresso Nacional”, argumentou o parlamentar.

Reunião com entidades - Antes de dar entrada na PEC, Pedro se reuniu com professores e entidades ligadas ao Magistério. Ele participou de reuniões com o Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Educação do Estado da Paraíba (Sintep), Associação dos Professores de Licenciatura Plena do Estado da Paraíba (APLP) e Universidade Federal da Paraíba, onde apresentou a proposta e ouviu a opinião das entidades. “Nossa intensão é promover uma ampla discussão sobre o tema”, disse.

Tramitação da PEC - Ao ser apresentada, a proposta de emenda à Constituição (PEC) é analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) quanto à sua admissibilidade. Se for aprovada, a Câmara criará uma comissão especial especificamente para analisar seu conteúdo.

 A comissão especial terá o prazo de 40 sessões do Plenário para proferir parecer. Depois, a PEC deverá ser votada pelo Plenário em dois turnos, com intervalo de cinco sessões entre uma e outra votação. Para ser aprovada, precisa de pelo menos 308 votos (3/5 dos deputados) em cada uma das votações.

Depois de aprovada na Câmara, a PEC segue para o Senado, onde é analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e depois pelo Plenário, onde precisa ser votada novamente em dois turnos.

 Se o Senado aprovar o texto como o recebeu da Câmara, a emenda é promulgada pelas Mesas da Câmara e do Senado. Se o texto for alterado, volta para a Câmara, para ser votado novamente. A proposta vai de uma Casa para outra (o chamado pingue-pongue) até que o mesmo texto seja aprovado pelas duas Casas.

Assessoria 

sábado, 18 de abril de 2015

Professores do Estado decidem continuar greve.


Os professores da rede estadual, em greve desde o dia 1º deste mês, decidiram continuar o movimento em assembleia realizada na tarde desta sexta-feira (17) no auditório do Guarani Esporte clube, no bairro do Roger, na Capital. 

De acordo com o coordenador geral do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado (Sintep), José Carlos Belarmino, a assembleia contou com caravanas do interior e conseguiu reunir quase mil pessoas.

Eles seguiram em passeata após assembleia até a Lagoa do Parque Solon de Lucena, no Centro de João Pessoa.

Belarmino informou que a categoria está tentando abrir diálogo com o governador do Estado, Ricardo Coutinho (PSB), através dos deputados Anísio Maia (PT) e Trócolli Júnior (PMDB). "Nós queremos uma sessão especial na Assembleia Legislativa para discutir a situação e tentar sensibilizar o governador a abrir o diálogo, porque não é do nosso interesse uma greve prolongada", disse.

O sindicalista disse, ainda, que na próxima quarta-feira (22) a categoria realiza assembleias regionais e se encontra em assembleia geral novamente na quinta-feira (23), no auditório do Liceu Paraibano, a partir das 9h.

"Queremos que o governador negocie conosco porque a última audiência que tivemos foi no dia 30 de março, antes de deflagrarmos a greve e de lá para cá não houve negociações, nem novas propostas", reclamou.

Os professores querem, entre outras reivindicações, que o governo do Estado antecipe para já, os 4,5% de reajuste prometidos para serem repassados aos salários só em outubro.




Por Luciana Rodrig
Diamante online

Jeová garante apoio a Eliana em Serra Grande

Jeo

O deputado estadual Jeová Campos garantiu, nesta sexta-feira (17), que estará no palanque de Eliana Nunes, em 2016. Ela será novamente a candidata do grupo de oposição, que está cada vez mais fortalecido, no município de Serra Grande. “Vou está no palanque da companheira Eliana” – assegurou o ‘Rei do Ai’.
Jeová também garantiu que é um compromisso do governador, Ricardo Coutinho, construir em seu governo a estrada que liga Serra Grande a São José de Piranhas. Outro apoio forte para a filha do ex-prefeito Ermeto será à força política do governador, que recebeu a ingratidão do atual prefeito, Jairo Halley (PSB), no ano passado e não medirá esforços para derrotá-lo nas eleições do próximo ano.
Em contato com o Radar Sertanejo o irmão de Eliana, Edimar Nunes, afirmou que o grupo de oposição hoje está muito fortalecido em Serra Grande por conta da insatisfação da população com a atual administração.

Fonte: Radar Sertajeno

quinta-feira, 16 de abril de 2015

Assembleia Legislativa da Paraíba aprova redução no valor do licenciamento para motos com até 150 cilindradas.


A Assembleia Legislativa da Paraíba aprovou requerimento de autoria do deputado estadual, João Bosco Carneiro Júnior (PSL), solicitando a revisão e redução do valor do licenciamento das motocicletas com até 150 cilindradas.

De acordo com o parlamentar, além do custo tributário elevado para a manutenção das motos, os proprietários têm que arcar com o pagamento do seguro obrigatório com um custo diferenciado dos demais veículos.

Bosco Carneiro disse que na prática, a carga tributária imposta a uma motocicleta avaliada, em, por exemplo, R$ 7 mil, é bem próxima à de um carro popular no valor de R$ 22 mil. 

O deputado lembrou que na maioria das vezes, os proprietários dessas motocicletas são pessoas pertencentes às parcelas menos favorecidas da sociedade, e por isso, são merecedoras do benefício, que se traduz como uma medida de justiça social. “Estamos solicitando ao governo do Estado para que proceda ao estudo dos reais custos envolvidos na renovação do licenciamento de motocicletas com até 150 cilindradas e a possível redução do valor da taxa cobrada”, afirmou.

Bosco disse acreditar na sensibilidade do governador Ricardo Coutinho no atendimento do pleito por beneficiar milhares de paraibanos. Segundo ele, o incentivo contribuirá decisivamente para que os donos das motos regularizem possíveis débitos junto ao Detran. “A medida contemplará uma parcela considerável da sociedade, por isso a sua aplicabilidade é, na verdade, a busca da realização da justiça social”, arrematou.


MaisPB

quarta-feira, 15 de abril de 2015

Oi é obrigada a permitir ligações gratuitas em seus orelhões


A partir de hoje, a Oi será obrigada a permitir que os cidadãos de 15 Estados usem seus orelhões gratuitamente para fazer ligações locais a telefones fixos, de acordo com determinação da Anatel. A punição se deve ao fato de que a operadora não cumpriu com os patamares mínimos de disponibilidade de telefones públicos em suas áreas de atuação.
Era necessário ter ao menos 90% de orelhões disponíveis em todas as Unidades da Federação e 95% nas localidades atendidas somente por orelhões (acesso coletivo). Onde essa exigência não foi atendida a operadora será punida: Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Sergipe.
A Oi foi avisada da possibilidade de punição em 2 de fevereiro, mas até 31 de março, quando a Anatel realizou a medição mais recente, a situação não tinha se resolvido. Agora os orelhões serão liberados até que a operadora atinja as metas.


Segundo a Anatel, novas medições estão previstas para 30 de agosto de 2015, 29 de fevereiro de 2016 e 30 de agosto de 2016 e a cada seis meses. 


Olhar Digital

terça-feira, 14 de abril de 2015

Edital para realização da eleição unificada do Conselho Tutelar em Serra Grande.


A Presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Serra Grande (PB), no uso das atribuições que lhe são conferidas, torna público o presente Edital de Convocação para o Processo de Escolha em Data Unificada para membros do Conselho Tutelar para o quadriênio 2016/2019, aprovado pela resolução Nº 001/2015, do CMDCA local.

A eleição acontecerá de forma unificada pela primeira vez em todo o país no dia 04 de outubro de 2015, das 08h às 17h.

De acordo com as novas adequações, a votação deverá ocorrer preferencialmente em urnas eletrônicas cedidas pela Justiça Eleitoral. Veja o Edital clicando  AQUI.

Diamante Online

quinta-feira, 9 de abril de 2015

Serra Grande é contemplado com recursos para pavimentação;


O Prefeito de Serra Grande (PB), foi informado nesta quarta-feira (08), que o seu município acabou de ser contemplado com um valor de R$ 295.300,00 (duzentos e noventa e cinco mil e trezentos reais), destinados para obras de pavimentação.

Jairo Halley disse que o beneficio irá colaborar diretamente com o desenvolvimento urbano serra-grandense. “Quem ganha é a nossa cidade. Com este recurso, iremos calçar várias ruas, viabilizando a mobilidade urbanística”, pontuou.

Além do valor conseguido através do governo federal, por meio do Deputado Wilson Santiago Filho (PTB), a Prefeitura também dará sua contrapartida.


"O recurso foi conseguido através do esforço do Deputado Wilson Filho, e isso eu quero agradecer de coração, pelo compromisso firmado e a confianças a nós atribuída", comentou Jairo. 

Diamante Online